Como cultivar mirtilos: um guia completo

Cultivo de mirtilos
cultivar mirtilos

Já pensou em cultivar mirtilos? Os mirtilos são deliciosos, têm valor nutricional considerável e exigem pouco esforço para serem cultivados. No Brasil, eles são mais cultivados nas áreas do Rio Grande do Sul, pois se adaptam bem à climas frios. Há variedades adaptadas à regiões quentes, mas seu desenvolvimento é melhor em climas frios.

Descobrir como cultivar mirtilos pode ajudá-lo a desfrutar de muitos benefícios. Seus esforços de cultivo produzirão uma fruta saudável que também melhorará sua paisagem. Este artigo o ajudará a descobrir tudo o que você deve saber sobre como plantar um arbusto de mirtilo e cuidar dos mirtilos para obter colheitas consideráveis.

Por que você deve considerar o cultivo de mirtilos?

Você pode considerar o cultivo de mirtilos por estes três motivos:

  • Melhorar sua paisagem: Os mirtilos podem ser um espécime atraente em sua paisagem. Eles podem fornecer folhagem de outono escarlate e flores de primavera em forma de sino, branco-creme, que melhorarão a aparência de seu quintal ou jardim.
  • Valor nutricional: Os mirtilos estão entre os superalimentos da natureza. Os mirtilos têm um valor nutricional muito alto, com minerais essenciais, nutrientes e polifenóis que estimulam a saúde. Você também vai apreciá-los, pois são deliciosos.
  • Fácil de cultivar: O cultivo de mirtilos não é um processo complicado. Eles podem ser cultivados em todas as zonas dos EUA continental e precisam de cuidados básicos para florescer.

Variedades de mirtilo

plantação de mirtilo

Há cinco variedades de mirtilos que são mais cultivados:

Mirtilo Lowbush

Esse mirtilo tem duas espécies (Vaccinium myrtilloides e Vaccinium angustifolium). É a fruta do estado do Maine e cresce até dois pés. As pessoas também o chamam de “mirtilo anão” devido à sua natureza minúscula. Essa variedade prospera no nordeste dos EUA e no centro e leste do Canadá. Essa espécie se espalha por caules subterrâneos. A cultivar “Burgundy” tem folhas vermelho-escuras no outono e cresce cerca de um metro e meio de largura e um metro e meio de altura, enquanto a “Top Hat” cresce menos de um metro e meio de largura e altura.

Mirtilos Highbush

O nome científico dessa variedade de mirtilo é Vaccinium corymbosum e ela cresce de 1 a 2 metros de altura e largura. É nativa do nordeste e do leste dos EUA. As cultivares populares incluem “Bluecrop”, “Blueray” e “Berkeley”, de floração intermediária, “Collins” e “Earliblue”, de floração precoce, e “Patriot” e “Jersey”, de floração tardia.

Mirtilos Rabbiteye

O nome científico desse tipo de mirtilo é Vaccinium virgatum e sua altura varia de 1 a 2 metros. As cultivares incluem “Woodward” e “Climax”, de floração precoce, “Tifblue”, de floração padrão, “Delite”, de floração tardia, e “Southland” e “Briteblue”, de floração no meio da estação.

Highbush do sul

Essa variedade cresce de 1 a 2 metros de altura. É adequada para áreas com invernos amenos. As cultivares incluem “Windsor”, “Star” e “Santa Fe”, que florescem no início e no meio da estação, e “Pamlico”, “Bladen” e “O’Neal”, que florescem no meio e no final da estação.

Mirtilos Half-high

Essa variedade é um cruzamento entre os mirtilos lowbush e highbush e cresce de 1 a 2 metros de altura. As cultivares incluem “Sunshine Blue” e “Jubilee”, que florescem no meio da estação, e “Southblue” e “O’Neal”, que florescem cedo.

Quando plantar arbustos de mirtilo

plantação de mirtilo

É possível plantar arbustos de mirtilo no final do outono e na primavera na maioria das áreas. As regiões mais frias podem não ter as condições ideais para que os arbustos se desenvolvam durante esses períodos.

Escolha plantas com 1 a 3 anos de idade para plantar. Você pode comprá-las em sites ou viveiros de boa reputação em recipientes ou com os pés descalços. Os arbustos mais velhos podem sofrer choque de transplante e levar mais anos para produzir grandes colheitas.

Onde plantar seus arbustos de mirtilo

onde plantar mitilo

Considere esses fatores para encontrar o melhor local para plantar seus arbustos de mirtilo:

Solo

Os mirtilos se desenvolvem bem em solos ácidos com um pH de 4,0 a 5,5. Os mirtilos crescem lentamente, têm folhas descoloridas e podem morrer se o pH estiver muito alto. Teste o pH do seu solo por meio do serviço de extensão local.

Adicione de 10 a 20 cm de musgo de turfa sphagnum aos 10 a 20 cm superiores do solo se o pH for de 5,5 a 6,5. Essa abordagem pode reduzir o pH do solo se você quiser plantar imediatamente. Talvez você precise de mais turfa (1 a 3 polegadas a mais) se o pH do solo estiver próximo de 7. Você também pode se concentrar nas áreas ao redor, pois as raízes das plantas crescerão além do buraco de plantio.

O solo também deve ser solto, bem drenado e ter uma alta concentração de matéria orgânica.

Luz

Escolha uma área ensolarada e protegida. Os mirtilos são tolerantes à sombra, mas você pode obter mais rendimento sob o sol. Plante mirtilos longe de árvores, pois elas podem bloquear a luz do sol e sugar a umidade do solo. Não exponha os mirtilos a ventos fortes e secos.

Água

Os mirtilos são plantas de raízes rasas. Portanto, precisam de um solo que retenha a umidade, drene bem e não permaneça úmido. Evite plantar mirtilos em áreas com solos pesados, argilosos e úmidos.

Espaçamento

Espace os mirtilos em uma fileira com cerca de 1,2 a 1,5 metros de distância. Deixe espaço de 2,7 a 3 metros entre fileiras adjacentes para garantir espaço adequado durante a colheita.

Aplique as raízes de plantas de raiz nua no buraco de plantio e cubra-as com terra. Certifique-se de que o torrão de raiz fique a não mais do que meio centímetro abaixo da superfície do solo.

Você pode plantar mirtilos em recipientes a uma profundidade um pouco maior do que estavam nos vasos de viveiro.

Temperatura e umidade

Diferentes espécies de mirtilo têm necessidades de temperatura variadas. As variedades tradicionais highbush prosperam em climas com ar úmido e inverno frio, enquanto as espécies criadas para jardins do sul não suportam temperaturas congelantes. A maioria dos tipos de mirtilo precisa de proteção contra ventos secos.

Escolhendo as variedades de mirtilo para plantar

Considere estes fatores para escolher as variedades adequadas de mirtilo para plantar:

Tamanho

As espécies de mirtilo crescem em alturas e larguras diferentes. Escolha tipos que possam se desenvolver no espaço disponível. Por exemplo, os mirtilos highbush podem atingir até dois metros de altura, portanto não são ideais para o cultivo em ambientes internos. Os mirtilos de arbustos baixos só atingem cerca de 0,61 metros de altura.

Região de jardinagem

As variedades de mirtilo crescem em diferentes regiões de jardinagem. Algumas plantas rabbiteye e highbush crescem em climas mais quentes, enquanto as espécies lowbush toleram climas mais frios. As plantas de meia altura crescem em áreas com temperaturas médias. Você pode obter cultivares específicas de acordo com a região.

Polinização cruzada

Os mirtilos são autopolinizadores. Eles não precisam de outras plantas para polinizar. Plante dois ou mais arbustos de mirtilo do mesmo tipo, mas de espécies diferentes, para promover a polinização cruzada. Isso aumentará sua colheita.

Colheita

Plante várias espécies que produzem frutos e amadurecem em diferentes épocas da estação. Você estenderá o período de colheita para entre julho e setembro (o final da estação).

Como plantar seus arbustos de mirtilo

como plantar mirtilos

Aqui está um guia passo a passo sobre como plantar arbustos de mirtilo:

  1. Você pode usar sementes de mirtilo após 90 dias. Plante-as imediatamente ou conserve-as no freezer até o plantio. Inicie o plantio na primavera em climas do norte e no outono em áreas quentes.
  2. Plante as sementes de mirtilo em musgo de turfa sphagnum umedecido em bandejas de sementes e cubra-as com um quarto de polegada de solo. Certifique-se de que o meio esteja sempre úmido. As sementes de mirtilo podem levar de 6 a 12 semanas para germinar. As sementes híbridas de highbush germinam de forma menos confiável do que as plantas selvagens de lowbush.
  3. Mantenha as sementes de mirtilo em um local quente e ensolarado com uma temperatura de 15-24°C. Suspenda uma luz fluorescente cerca de 25 cm acima das sementes se a área não tiver luz solar. As sementes se assemelharão à grama e terão pequenas folhas no topo quando germinarem. Elas crescerão até 13 a 15 centímetros de altura durante o primeiro ano.
  4. Transfira as mudas de mirtilo para recipientes em um local ensolarado e quente quando elas tiverem 5 a 7 centímetros de altura.. Mantenha a área úmida e use cerca de meia xícara de fertilizante orgânico para fertilizar as plantas após 2 a 3 semanas em seus recipientes. As plantas podem dar frutos depois de dois anos. No entanto, pode levar um pouco mais de tempo para que produzam frutos de tamanho considerável. Elas fornecerão essas colheitas por anos ou décadas quando chegarem a esse ponto.

Fertilizando seu arbusto de mirtilo

É melhor fertilizar os mirtilos na primavera. Use os fertilizantes com moderação para obter os melhores resultados. Os adubos ideais para plantas que gostam de ácido, como azaléias e camélias, podem ser adequados para arbustos de mirtilo.

Tenha cuidado ao usar fertilizantes com alto teor de nitrogênio. Embora esses produtos possam aumentar o crescimento vegetativo, eles podem inibir a produção de frutos. Você também pode plantar culturas de cobertura, como trevo, sob as plantas de mirtilo para aumentar o teor de nitrogênio do solo naturalmente e evitar ervas daninhas.

Mantenha cerca de 10 a 15 cm de cobertura de madeira ao redor das plantas de mirtilo durante toda a sua vida útil.

Cultivo de arbustos de mirtilo em um vaso

É possível cultivar mirtilos em um vaso. Essas plantas são mais fáceis de colher, mover e proteger dos pássaros. Também é possível ajustar facilmente o pH do solo do recipiente se você morar em um local sem solo ácido.

Dessa forma, é possível cultivar mirtilos em um vaso:

  • Use um vaso grande com orifícios de drenagem.
  • Misture solo arenoso com composto e musgo de turfa ou use uma mistura de vaso para plantas que gostam de ácido, como rododendros e azaleias.
  • Plante o mirtilo no vaso e regue-o bem.
  • Adicione cobertura vegetal sobre o solo para reter a umidade.
  • Coloque o recipiente em uma área ensolarada.
  • Mantenha o solo úmido.
  • Embrulhe o mirtilo em estopa ou cubra o pote com palha nas regiões do norte.

As variedades que podem se desenvolver em um recipiente incluem “Top Hat”, “Pink Lemonade” e “Pink Champagne”.

Cultivo de arbustos de mirtilo em ambientes internos

cultivo de mirtilo

Você pode cultivar mirtilos dentro de casa se os invernos rigorosos de sua região não permitirem o cultivo de plantas perenes ou se você não tiver espaço adequado em seu quintal para produzi-las. É fácil cultivar e cuidar dessa planta de casa durante todo o ano.

Escolha a espécie adequada para plantar dentro de casa. Coloque o mirtilo em uma área agradável e ensolarada, como no parapeito da janela. A planta florescerá se você fornecer a ela os requisitos essenciais, como luz solar, água, nutrientes e condições de temperatura.

Os melhores tipos para cultivo em ambientes internos são as variedades anãs ou blueberries lowbush. Essas plantas não crescem muito nem em altura nem em largura, não ocupam muito espaço em sua casa e são fáceis de manter. Algumas espécies anãs para plantar incluem “Top Hat”, “Northsky” e “Sunshine Blue”.

Você esperará de 2 a 3 anos para desfrutar dos frutos do mirtilo de interior se cultivá-lo com sementes. Muitas pessoas o propagam a partir de plantas com um ano de idade ou de mudas de viveiros. Plante um tipo diferente de mirtilo que floresça quase ao mesmo tempo que o outro vaso e coloque-os próximos um do outro para aumentar sua produção, promovendo a polinização cruzada.

Utilize vasos com profundidade de 38 a 45 centímetros para cultivar os mirtilos em ambientes fechados. Você pode começar com um vaso de tamanho menor e transplantar para tamanhos maiores à medida que a planta cresce. Os mirtilos de interior não têm raízes extensas. Portanto, caberão nesses recipientes e se transformarão em plantas de tamanho médio. Certifique-se de que o recipiente tenha furos de drenagem adequados antes de enchê-lo com terra.

Como podar mirtilos

A poda de mirtilos pode não ser necessária nos primeiros anos após o plantio. No entanto, ela será essencial a partir do quarto ano para promover o crescimento para dar frutos na próxima estação.

Faça a poda dos mirtilos no final do inverno ou no início da primavera, antes que eles cresçam novamente. Remova os brotos quebrados, mortos, fracos, curtos e espigados.

Quando e como colher seus mirtilos

colher mirtilo

Os mirtilos não estão maduros quando ficam azuis. Essa coloração mostra que os mirtilos estão quase maduros. Portanto, deixe os mirtilos na planta por alguns dias depois de ficarem azuis para que tenham tempo suficiente para amadurecer.

Como você saberá se eles estão no pico de maturação?

Você saberá se é hora de colher os mirtilos fazendo cócegas suaves nos grupos de mirtilos. Os mirtilos perfeitamente maduros cairão do caule com esse toque suave, enquanto os verdes permanecerão presos. Os mirtilos caídos estão maduros e terão o sabor ideal.

Verifique seus mirtilos diariamente durante os dias quentes do verão. Você não quer que nenhuma fruta madura caia no chão quando você não estiver por perto para coletá-la e apreciá-la.

Não deixe os mirtilos ao sol depois de colhê-los. As frutas podem se aquecer rapidamente e começar a se deteriorar. A deterioração costuma ser um problema com mirtilos colhidos tardiamente, quando a maioria das frutas está madura demais.

A refrigeração é a melhor maneira de manter a qualidade do mirtilo após a colheita. As baixas temperaturas podem retardar o amadurecimento e aumentar a longevidade da fruta.

Armazene os mirtilos a cerca de 32°F e aproximadamente 85% de umidade relativa. Você pode manter os mirtilos recém-colhidos viáveis por até duas semanas a 32°F. Em comparação, os mirtilos permanecem em boas condições por apenas alguns dias a 70°F.

Coloque os mirtilos em um pote fechado na geladeira imediatamente após a colheita. Evite colocá-los em camadas com mais de alguns centímetros de profundidade para evitar que os mirtilos inferiores sejam danificados.

Lave os mirtilos somente quando estiver pronto para comê-los. Lavá-los antes pode torná-los suscetíveis ao desenvolvimento de mofo durante o armazenamento. Os mirtilos podem durar mais do que a maioria das frutas silvestres se forem bem armazenados.

Arbustos de mirtilo durante os meses de inverno

Vários tipos e cultivares de mirtilo são suscetíveis ao frio do inverno. Sua suscetibilidade também depende do estágio de dormência da planta e da temperatura durante e antes do evento de frio.

Você pode testar os danos causados pelo frio à planta cortando os botões de flores longitudinalmente de 7 a 21 dias após o evento de frio ou no final do inverno. Procure por tecido morto ou marrom.

Alguns chicotes ou laterais anteriores podem morrer da ponta para baixo durante alguns eventos de frio. Essas partes podem escurecer e devem ser podadas para ajudar a planta a se recuperar. Os eventos de frio danificam os botões vegetativos em casos raros.

Pragas e doenças do mirtilo

Os mirtilos muitas vezes podem ser vítimas de pragas, animais selvagens e doenças das quais você deve estar ciente. Elas incluem:

Pragas de mirtilo e preocupações com a vida selvagem

Fique atento a essas pragas e animais selvagens que podem arruinar a colheita de seu arbusto:

Pássaros

Os pássaros adoram mirtilos. A tela para pássaros pode proteger seus mirtilos dos pássaros. Coloque a rede sobre as plantas assim que as primeiras frutas ficarem azuis e não verdes.

Você também pode controlar os pássaros com Kool-Aid com sabor de uva ou açúcar. O suco de uva contém antranilato de metila, que os pássaros não gostam. Misture um galão de água com quatro pacotes do produto sem açúcar. Pulverize as bagas com a mistura quando elas começarem a ficar azuis. Reaplique a mistura a cada poucas semanas.

Você também pode borrifar as bagas com 1,5 kg de açúcar misturado a dois litros de água. Pulverize as frutas com essa mistura depois de chover e a cada poucas semanas. Os pássaros não conseguem digerir os dissacarídeos do açúcar e, portanto, evitarão as frutas. Polvilhe um pouco de terra de diatomáceas ao redor das bases das plantas para afastar as formigas.

Larvas de mirtilo

Essas pragas são as larvas da Rhagoletis mendax (mosca da fruta do mirtilo). Elas põem seus ovos quando os mirtilos começam a amadurecer e são comuns na metade leste dos Estados Unidos. Você pode identificar os adultos por meio de suas faixas pretas em ziguezague. Capture esses adultos com armadilhas vermelhas de bola pegajosa antes que eles ponham ovos.

Você também deve colher os mirtilos maduros imediatamente para controlar sua população.

Besouros japoneses

Esses insetos mordiscam as folhas dos arbustos de mirtilo. Embora os mirtilos possam suportar danos de cerca de um quarto de sua folhagem, você precisará agir se houver uma infestação grave. Você pode colher manualmente e afogar os besouros em água com sabão.

Lagartas de pescoço amarelo

Essas lagartas, Datana ministra, são peludas com listras amarelas e pretas. Elas aparecem durante os últimos dias do verão e, quando em grande número, podem tirar toda a folhagem de uma planta. Pulverize os arbustos infestados com Bacillus thuringiensis (Bt).

Doenças do mirtilo

plantação de mirtilos

Aqui estão as doenças comuns que afetam os mirtilos:

Podridão dos frutos por antracnose

Os fungos Colletotrichum gloeosporioides e C. acutatum causam essa doença. Ela afeta todas as espécies de mirtilos e é mais prevalente em climas quentes. Infecções graves podem causar grandes perdas na colheita. Seus sintomas se tornam mais visíveis à medida que os frutos amadurecem. Os mirtilos podem murchar e apresentar pequenas bolhas. Eles podem cair depois de algum tempo.

Você também pode notar esses sinais quando as frutas apodrecem no armazenamento. Evite que essa doença se instale e se espalhe por seus arbustos espaçando-os, regando-os e podando-os bem. Colha as bagas quando estiverem maduras.

Praga de Botrytis

Esse fungo, Botrytis cinerea, afeta os mirtilos quando as plantas estão florescendo em clima frio e úmido. Ele faz com que os frutos apodreçam depois de colhidos e faz com que o crescimento verde morra.

A poda dos arbustos pode controlar essa doença, melhorando a circulação de ar e certificando-se de não fornecer nitrogênio em excesso aos mirtilos. Os fungicidas à base de cobre também podem ajudar a controlar essa doença quando as plantas florescerem.

Cancro do caule ou da cana

O fungo Botryosphaeria corticis causa essa doença. As plantas de regiões mais quentes, como o sul dos Estados Unidos, são mais suscetíveis a ela.

Essa doença danifica seções das hastes, engrossando-as e formando rachaduras profundas. As hastes acabam morrendo. Faça a poda das áreas afetadas e das hastes mortas para evitar essa condição.

O Rabbiteye pode ser mais adequado para áreas com esse problema, pois a doença quase não o afeta. Os mirtilos Highbush são mais suscetíveis à doença, mas há algumas cultivares resistentes que podem ser consideradas.

Clorose

Essa doença faz com que as folhas dos mirtilos fiquem vermelhas ou amarelas e é causada por condições inadequadas de cultivo, como pH elevado do solo, falta de ferro e excesso de fertilização. Embora seja evitável, assim que notar os sinais, pulverize os arbustos com ferro quelatado para corrigir o problema em curto prazo enquanto você corrige o pH do solo.

Baga de múmia

O fungo Monilinia vaccinii-corymbosi causa essa doença. Ele pode fazer com que as flores fiquem marrons, morram ou murchem. Os brotos e as folhas também podem desenvolver centros pretos, murchar e morrer. Os frutos infectados ficam bronzeados ou vermelhos em vez de verdes e caem dos arbustos.

Colha e destrua os frutos mumificados antes que eles caiam. Talvez você precise fazer isso com frequência, mas a boa notícia é que os mirtilos podem se recuperar dessa doença. Você também pode plantar espécies resistentes se essa doença for comum em sua região.

Verifique as doenças comuns do mirtilo e as cultivares resistentes em seu escritório de extensão local para saber o que cultivar.

Receitas de mirtilo para experimentar

culinária com mirtilo

Há várias receitas de mirtilo que você pode fazer para saborear a fruta:

  • Geleia de mirtilo
  • Muffins de mirtilo com limão
  • Bolo de mirtilo
  • Geleia de mirtilo
  • Crumble de mirtilo
  • Sorvete de mirtilo Creme Fraiche
  • Sopa gelada de mirtilo

Perguntas frequentes

Aqui estão algumas perguntas frequentes sobre mirtilos:

1. Devo usar borra de café como corretivo de pH?

Não é aconselhável usar borra de café para alterar o pH, pois ela nem sempre é ácida. Você também pode precisar de quantidades consideráveis de borra de café ácida para alterar o pH do solo. Não há garantias de que o pH do solo será ideal para os mirtilos após a adição de borra de café.

2. Quais são os erros comuns no plantio e cultivo de mirtilos?

Os erros comuns com mirtilos incluem plantar as raízes muito rasas ou muito profundas, compactar o solo com firmeza, plantar perto de plantas silvestres, regar todos os dias e fertilizar antes que as plantas se estabeleçam.

CONCLUSÃO: Como cultivar mirtilos

Se você reservar um tempo para pesquisar com antecedência, os mirtilos são fáceis de cultivar, oferecem excelente valor nutricional e são uma adição atraente à sua paisagem. Há muitas variedades para escolher que se desenvolvem em diferentes condições de solo, clima e espaçamento. Consulte o escritório de extensão local para saber quais são os melhores cultivares para sua região.

Faça a poda adequada dos arbustos e colha os frutos para garantir que as plantas estejam saudáveis. Esteja ciente das várias doenças, pragas e animais selvagens em sua área que podem afetar os mirtilos.

Os mirtilos amadurecerão e produzirão colheitas consideráveis se você cuidar deles. Os resultados produzirão mirtilos maduros e deliciosos que você pode usar em várias receitas, como geleia de mirtilo e crumble de mirtilo. Se tiver alguma dica para compartilhar sobre o cultivo de mirtilos, fique à vontade para deixá-la na seção de comentários abaixo.

Deixe um comentário